10 February 2010

E VÂO LÁ 3 ANOS


O tempo não cura tudo.
Aliás, o tempo não cura nada, o tempo apenas tira o incurável do centro das atenções.
Martha Medeiros

14 nhận xét :

de dentro pra fora.... said...

è verdade... há certas feridas que o tempo não cura, mas ajuda aliviar a dor.

Beijinho grande :) vizinha :)

Filoxera said...

Eu sei...
Até com os peixes eu sinto!
Um beijo.

Justine said...

Saudades dos nossos companheirinhos que vão embora ! O tempo apenas atenua a dor...
Beijinho especial

Fernanda said...

Olá amiga!

O tempo ajuda a aliviar a dor, mas a autora tem toda a razão.

Beijinhos

Antonio saramago said...

É como a água, tudo lava , menos as más lingúas!!!

paulofski said...

O tempo suaviza mas não apaga as cicatrizes.

Beijinho.

pedro oliveira said...

o tempo alisa a dor,mas não mata as saudades.
bjs bom fds

josé luís said...

pensei em si e naquele poema que dizia:

Explicação da Ausência

Desde que nos deixaste o tempo nunca mais se transformou
Não rodou mais para a festa não irrompeu
Em labareda ou nuvem no coração de ninguém.
A mudança fez-se vazio repetido
E o a vir a mesma afirmação da falta.
Depois o tempo nunca mais se abeirou da promessa
Nem se cumpriu
E a espera é não acontecer — fosse abertura —
E a saudade é tudo ser igual.

Daniel Faria,
in "Explicação das Árvores e de Outros Animais"

mas não queria que pairasse por aqui a melancolia, está bem?

Luis said...

Minha Boa Amiga,
É verdade o tempo só ameniza a dor não a retira!
Perder-se um companheiro e amigo é algo que se não esquece.
A saudade dá-nos força para lembrar os bons tempos vividos numa harmonia saudável.
Um beijinho amigo e solidário.

tulipa said...

Descobri a Martha Medeiros há pouco tempo, mas fiquei sua fã incondicional. Também publiquei algo dela há alguns dias.
Será que a Martha tem razão quando diz:
O tempo não cura tudo.
Aliás, o tempo não cura nada, o tempo apenas tira o incurável do centro das atenções.

Voltarei aqui sempre, embora por vezes esteja ausente por uns tempos. A minha vida tem sido difícil e complicada desde que o meu marido foi operado...enfim...

Voltarei, aqui, sempre:
porque sim.
Beijinhos.

salvoconduto said...

É por essas e por outras que ainda me não decidi a "adoptar" outro...

Vá lá...

Abreijinhos.

Fernanda said...

Olá amiga!!!

Que se passa, pegaste as malas e foste para o Brasil? para o solinho???
Tudo bem contigo, espero!

Beijinhos

Tite said...

Não cura mas ajuda a atenuar.

Beijosssss

salvoconduto said...

Fico-me só com a música? Mais nada, nada?...

Abreijinhos.