18 May 2008

WE WILL ALWAYS REMEMBER YOU

Em Maio de 1992 estava sentada numa mesa ricamente decorada, na 1ª fila do relvado do Estádio das Antas, que também ele estava decorado primorosamente.
Que me desculpem os portistas, mas só mesmo um homem me levaria a cometer essa loucura. E esse homem, foi Sir Francis Albert Sinatra.
Exceptuando as grandes bandas ou espectáculos de grande porte como o da Madonna, não gosto de concertos em estádios.
Gosto de coisas mais intimistas.
Mas para ver Frank, qualquer sacrifício era merecido.
Ainda por cima fazia um frio de rachar, e as senhoras de Lisboa, fiéis ao princípio que depois de Março não se vestem casacos de peles, lá fomos, de corpinho bem feito, enquanto as do Porto, embrulhadinhas nos seus bichos de estimação se riam de nós.
Os meus pés literalmente congelaram de tal forma que o meu marido teve que me levar ao colo para o carro, findo o espectáculo.
Embora já não fosse o homem de antigamente, isso só se notava no andar, porque a voz, ai meu Deus, a voz era exactamente a mesma, tal como o azul dos olhos.
Foi também em Maio que Frank morreu, fez há dias 10 anos.
Para assinalar esse aniversário, foi editado um CD que reúne 21 temas gravados para a Reprise, discográfica que Sinatra constituiu no início da década de 1960, um tema inédito e ainda um DVD do seu concerto no Royal Festival Hall, em 1971.
Entre os temas reunidos no CD agora editado, contam-se gravações com Count Basie com quem Sinatra gostava particularmente de gravar, temas como “The good life”, “Fly me to the moon” ou “The best is yet to come”.
Outra colaboração que se regista é a de Quincy Jones, como arranjador em temas como “The good life”.
O álbum inclui ainda “The girl from Ipanema” com António Carlos Jobim e "Somethin'stupid" com a filha Nancy Sinatra.
O CD integra temas clássicos que criou, designadamente, “Strangers in the night”, “Call me irresponsible”, “Come fly with me”, “Fly me to the moon” ou “My way”.
Outra das homenagens que lhe foi prestada, foi nos Estados Unidos, e consisitiu no lançamento a 13 de Maio de um selo que se pode comprar em qualquer estação dos correios dos Estados Unidos.
É esse que está aí em cima, e já tenho um. Não na minha posse, mas vem a caminho.

Quase todas as canções de “Ol' Blue Eyes” , são uma paixão para mim, mas há 3 com as quais costumo construir uma frase muito minha " With you under my skin", I'll do it "My Way" in " New York".
Deixo-vos um clip com New York, New York, onde podem ver a Nova Iorque de que gosto, e que pouco tem a ver com a dos turistas.
Um lago em Central Park, chamado " The Reservoir" e as calmas ruas do East Side.




16 nhận xét :

Carminda Pinho said...

Olha que bem que a menina blue ficou!!!
Até parece que sabe andar de bicla e tudo...:)))

Bjinhos

amigona avó e a neta princesa said...

Era "a VOZ"! O pior era o resto! Nunca consigo dissociar! Bom domingo...

f@ said...

Lollll.ssss. bom dia... mto gira... mto loira e ganda ciclista... gosto sempre de ver quem está do outro lado... sentir com que falo saber o verdadeiro nome. ... então quando a surpresa é agradável como esta que és tu ... mto melhor. tás a fingir que sabes andar ou sabes mesmo?... cuidado com os joelhos esfolados... lololol beijinhos das nuvens

Pena said...

Linda Amiga:
Frank Sinatra é um talento ímpar da música.
Gostei muito da forma como "sente" o seu ídolo entre ídolos.
Majistral e sublime "sentir".
Também apreciei e aprecio o seu ídolo.
Um ser poderoso, com uma voz incrível de beleza.
Linda, a homenagem que lhe faz. Ele agradecer-lhe-á.
Os meus sinceros parabéns.
Beijinhos amigos.
Sempre a admirá-la pela sua grandiosa e gigantesca significação para com todos.

pena

samuel said...

Grandes vidas! Concertos, bons discos, passeios de bicicleta em locais cinematográficos...

Abreijos

pinguim said...

Então, muito prazer, cara amiga!
Quanto a "The voice", ele teve canções memoráveis, mas a que eu mais gosto, não é daquelas que toda gente conhece; é "The lady is a tramp", não estou certo se é mesmo esse o título...
Beijinho.

Patti said...

My Way será sempre His Way.

Prazer em conhecer-te, Blue.

Maria said...

Gosto da Voz, do homem nem por isso... :)))))
Olha a Blue Velvet, de bicicleta, pedalando nas ruas de Nova Iorque...
... pena não se poder copiar a foto (para a minha galeria de amigas virtuais...)

Beijinhos, Blue Velvet
(isto hoje aqui está impossível, até cheira a coiratos!)

Filoxera said...

Ainda há dias comentei que tenho, ainda por ler, uma biografia enooooorme do Sinatra, herança do meu pai.
Surpresa, a tua foto no blogue!
Quanto ao post, aquela referência "benenosa" ao estádio do campeão é que não me agradou muito. Mas perdoo-ta; ninguém é perfeito...!
Beijos.

BlueVelvet said...

Carminda,Fa,Patti,
prazer em conhecer-vos, também:))))

BlueVelvet said...

Maria,
amiga, eu mando-ta:))))
beijinhos

BlueVelvet said...

Filoxera,
foi uma coisinha má que me deu:)))
Beijinhos e veludinhos

BlueVelvet said...

Amigos/as TODOS
Peço que me desculpem, mas as reclamações e protestos familiares, " obrigaram-me" a retirar a fotografia que tinha no post.
Peço que me desculpem, mas, segundo eles" eu não sei o que é a net".
Beijinhos e veludinhos para todos

Luís Galego said...

Peço que me desculpem, mas, segundo eles" eu não sei o que é a net".

mas a blue é lá mulher para ter medo....enfim, compreendo-a!

Oliver Pickwick said...

My Way e Fly Me To The Moon, são as minhas preferidas até hoje.
Ótimo post, boa lembrança.
Um beijo!

Filoxera said...

Olha, o Pedro acabou de exclamar que também lá esteve, no estádio do FCP a ver o Sinatra!