11 November 2008

TOU RALADINHO

Estou mesmo descorçoado. Não sei o que se passa com a minha mãe. De há uns dias para cá, não dorme, não come e não brinca comigo. Até já arranquei alguns cabelos com a preocupação. Não sei que faça.

Já esperimentei fazer palhaçadas, que é uma coisa que resulta sempre, mas desta vez, ela nem olha para mim. E olhem que me dá trabalho ficar assim em pé, a pedir beijinhos.


Até fui buscar a minha bolinha para ela brincar comigo, mas nada.

Ouvi dizer que aqui no bairro, resolvem qualquer assunto.
Alguém me dá uma ideia?

24 nhận xét :

Antonio saramago said...

HÁ MOMENTOS PARA TUDO e outros para nada!!
Nem sempre há a vontade de satisfazeras vontades dos mais pequenotes.

Leonor said...

passear e arejar costuma ajudar. Quando o vento nos bate na cara e vamos sempre andando, caminhando, como se os nossos problemas fossem ficando esbatidos pelo ritmo dos nossos passos.
Não desaparecem, claro, mas ficam reduzidos, e nós mais leves...
andar é sempre um bom remédio...
(depois quero saber notícias)

veludinhos

Tretoso Mor said...

Veludinho,

Que se passa?...

Se as minhas TRETAS puderem ajudar, dispõe.

tretices azul celeste para ti

http://tretas-da-vida.blogs.sapo.pt/

Si said...

Querido Canito,

A tua dona precisa é de uma grandessíssima ferradela nas canelas para se pôr fina, esperta e lambona.
Também a podes ajudar, arranjando umas pulguitas em contrabando (que eu sei que és muito limpinho) e que discretamente lhe passas, para ela se coçar ao ritmo do Frank Sinatra que, entretanto, colocaste no CD.
A comida também é fácil: Vais ali à vizinha Patti, que ela tem a mais uma parte qualquer de um frango que lhe calhou na rifa e fazes uma canjinha, com crista e tudo para lhe dar força.
Finalmente, depois da ferradela que a fez correr às voltas a gritar pela casa toda, da dança das pulgas com o Frankie e da canjinha quente no final, vais ver que ela, de tão exausta, cai para o lado a dormir ferradinha e quem não vai conseguir descansar és tu, com o barulho do ressono!!
Combinado??

P.S. - Qualquer coia que precises mais, bate-me à porta, que eu ainda tenho a vassoura das bruxas do Halloween, que gamei nos bastidores, ok??

Pekenina said...

Deixa-o comigo que eu faço-lhe uns miminhos :)))) Aiii gosto tanto de animais! E esse tem um ar tão amoroso! :D

C NARCISO said...

Olá "Bolinha de Pêlo".
Porque não levas a tua dona a passear? podias levá-la a Belém (comer um pastel); ou passear à beira Tejo.... ou pela marginal...
Fazer qualquer coisa para aproveitar este lindo dia do "Verão de S. Martinho".

Pitanga Doce said...

Olha lá ó cãozinho (que eu não sei o nome)conheço um igual a ti que chama-se Bolinhas. Não é muito original mas cai bem. Diz a tua dona que vá ao Pitanga Doce e que veja a sorte que tem.

beijos (não a ti, mas a tua dona)

Gata2000 said...

Sou novita aqui no blog, por isso a minha visão é muito simples, sem antecedentes, mas cãozinho lindo, quando a minha Puska me fugiu de casa, mesmo com a depré em que andava, corri seca e meca atrás dela. Encontrei-a e com muitos ralhos, beijinhos e lágrimas pelo meio a coisa lá se foi compondo, mas há dias assim. Se a coisa não resultar, se aí no bairro tratam da coisa, pedem para serem meiguinhos e partirem só a perna esquerda, uns meses de cama sempre dá para lhe aqueceres os pés.

BC said...

Pelo menos já escreveu, já é um bom sinal.
Coitadinha da cadela (é cadela?), a esforçar-se tanto, até se põe de pé.
Isso está muito por baixo, sem dormir, sem comer.
Vamos a levantar a cabeça e seguir, seja lá qual for o motivo.
FORÇA
Beijo
Isabel

Quero resposta, quero reacção!!!

Justine said...

Ir ao psiquiatra? à bruxa? Ou aqui à minha vizinha, a Fátima? Qualquer das hipóteses pode resultar, ou as 3 juntas...
Outra alternativa é deixar passar alguns dias, aquela treta de "o tempo tudo resolve"...
Vá lá, ânimo:))

1/4 de Fada said...

Olá Sebastião! Mas tu és mesmo giro... se não consegues animar a tua dona, achas que nós vamos ter mais sorte que tu, com esse ar de quem sabe perfeitamente que basta olhar para nós que nos derretemos logo?
Olha lá, o tempo está bom e tens tido muita sorte, mas já chegaram aquelas coisas que a tua dona encomendou pela net de propósito para ti para quando chover? É que por aqui o céu está a ficar com umas nuvenzitas carregadas...

Patti said...

Eu acho que lhe devias pedir um passeio, nestes dias quentinhos de Outono. Ou junto ao mar, ou ali para os lados do Parque Eduardo VIII, numa bela esplanada.

sagitario said...

já conheci um caso semelhante, mas o cachorrinho teve uma ideia genial e pôs um anuncio no jornal que dizia;
cachorro infeliz, vende-se, mas acompanhado da dona, sem isso nada feito.
Eu não sei o que dizer a tanta tristeza, mas é preciso um tratamento urgente e eficaz

Girafa cor de rosa said...

Passear no jardim, ler à beira mar, ver crianças a brincar, ir às compras, conversar com os amigos, escrever, escrever, escrever...namorar, ir a NY :-), etc, etc, etc....beijinhos amiga!

Mar Arável said...

Por vezes é preciso ladrar

aos cães

Oliver Pickwick said...

Bem, não sou do bairro mas vou arriscar. Que tal umas mordidas? Talvez ela reaja e, com fogo nas entranhas, se lançará ao combate. Seja contra quem, ou, qual for o adversário. A "guerra" é uma arte que inspira, impulsiona.
Um beijo!

Ovinho Estrelado said...

Olá "canito"!

Eu acho que a tua dona deve viver o momento como o mesmo tem de ser vivido. Com toda a certeza que ela não se quer, voluntariamente, enterrar no marasmo. Portanto, se ela está mais "apagada", deixa-a estar. É preciso parar de vez em quando e dar espaço aos maus pensamentos... Camuflá-los para quê?

Olha, deixa de ser chatinho e vai tu de férias uns dias... Deixa-a com ela mesma.


Festinhas no teu pêlo, canito.

ovoestrelado*

Sandra Daniela said...

Eu acho que tenho uma ideia, meu querido... pelo menos temta!!!
É que eu tenho uma cadela que qdo nos chama a atenção e não lha damos como deseja, morde-nos nas mãos!!

Se souberes fazer-lhe cócegas com o rabo... pode ser que também ajude!!1


Um beijinho grande para a tua dona e boa sorte para as tuas tentativas!!!

Sorrisos em Alta said...

Quando a dona estiver a dormir (e não apenas a revirar nos lençóis), rouba-lhe a máquina fotográfica e rói-lha toda!

Vais ver que não repete a brincadeira de te deixar assim a olhar para ela...
,o)

Para paga desta dica, manda um beijo à dona por mim!

Carlos Barbosa de Oliveira said...

Cão distraído! Esqueceste-te que hoje é dia de S. Martinho? Leva a dona a um magusto, com boa castanha, uma boa jeropiga e muita animação, que ela arrebita. Vá, que estás à espera? Vamos lá a dar à pata, que se faz tarde!

Filoxera said...

Parece que já a animáste... O que é que fizeste? Uns saltinhos a abanar a cauda, uma lambibela na mão ao bom estilo de "anda lá dar uma volta, está um Sol do caraças e tu não aproveitas"?...
Beijos.

Sandra Daniela said...

olá cãozinho... ( que não sei o teu nome...)A tua dona parece estar de volta... dizes-nos qual foi a estratégia de sucesso?? ihhhiihihihhi

duarte said...

ola "cutcho"
que tal encostares o pelo a pele,e dar e receber umas festinhas?
duarte sem "cutcho"

LopesCa said...

Tão engraçadinho :)