2 June 2008

E TODOS, TODOS SE VÃO...


"To be beautiful, all a woman needs is a black pullover and a black skirt and to be arm in arm with a man she loves." Yves Saint Laurent

Yves Saint Laurent, foi um dos mais influentes designers do século XX e será sempre lembrado por dar poder às mulheres através da sua moda, disse dele Pierre Berge, seu companheiro e sócio por mais de 40 anos.
"À sua maneira foi um libertino, um anarca e bombardeou as pernas da sociedade. Foi assim que transformou a sociedade e as mulheres.
Saint Laurent disse uma vez que sentia que "a Moda é suposta não só tornar as mulheres bonitas, mas dar-lhes força, confiança e fazê-las sentirem-se bem consigo próprias".
Inventou o smoking para mulheres, a sua imagem de marca, em 1966. Este estilo revolucionário foi aceite com resistência e houve mulheres que foram barradas à entrada de restaurantes e hotéis porque o levavam vestido.
Saint Laurent foi imortalizado em 1983, quando o Metropolitan Museum of Art em Nova Iorque lhe dedicou uma exposição, a primeira alguma vez feita a um costureiro vivo.
A depressão marcou a sua vida, mas foi depois de vender a sua Maison ao grupo Gucci que se afundou de vez.
"Conheci o medo e uma terível solidão. Os tranquilizantes e as drogas, esses estranhos inimigos!A prisão da depressão e os hospitais. Sobrevivi a tudo isso tonto, mas sóbrio"
Não sobreviveu a um cancro e as suas cinzas serão espalhadas no jardim da maravilhosa casa que possuía em Marrakech". Era muito nova quando me ofereceram pela primeira vez o Rive Gauche, cujo frasco preto e azul nunca esquecerei.
Começamos a perceber a nossa própria mortalidade quando os mitos da juventude partem...

11 nhận xét :

Patti said...

Já viste? Em menos de uma semana, outro que se vai.
Também deixei umas fotos dele lá no "Berlioz".
O meu perfume da vida também é dele "Paris".

Enfim...

Maria said...

Para te falar francamente não vou comentar este post.
Deijo-te beijos

f@ said...

...O glamour o talento a sua imensa criatividade são imortais…Yves Saint Laurent colocou o seu talento e trabalho tb ao serviço do teatro e das artes criando figurinos e cenários… infinito em sensibilidade...
beijinhos das nuvens

Pekenina said...

Apenas paa deixar um graaaaaaaaaande beijinho já que não passava por cá há imenso tempo.
Gosto muito de alguns perfumes dele ;)

Beijinho*

Mary said...

Um ícone da moda...sem dúvida!!!O seu nome perdurará na história. Viveu para "embelezar" as mulheres e lutou pela mudança de mentalidades ao lado delas :)
Beijinhos Blue

1/4 de Fada said...

Era uma figura marcante. Eu usei durante anos o Y. E adoro o smoking feminino, apesar de nem pensar em usar, acho que me ficaria pessimamente!

Enfim... said...

e isso cada vez vai sendo mais notavel...é pena


Beijinhos

Leonor said...

Blue

É sem dúvida uma personagem marcante, e a mim marcou-me. Tb fui grande adepta do Rive Gauche (confesso que hoje em dia já me mudei para a Dior) e a sua forma de "interpretar" a moda feminina e perceber o que ela faz a uma mulher significa bastante mais para mim do que muito do que hoje em dia para aí se faz.

beijinhos, boa semana

kakauzinha said...

É verdade, é pena estes génios desaparecem deste mundo porque criam muita beleza. Também gostava imenso dele. Mais c'est la vie!

(*)

LeniB said...

rive gauche...um dos meus eleitos, a seguir a todos do CK...
mais um homem que vai deixar uma marca na vida de muitas mulheres...
bjs

Pitanga Doce said...

Gostava dos seus modelos. Tinha coerência. Se na vida não tinha, era problema dele. Ele sabia vestir uma mulher.

beijos