29 January 2008

TELEFONEMA DA MINHA MÃE

08.30!!

TRIM...TRIM...TRIM...

Entre uma torrada e um chá atendo o telefone:

Então, está a ouvir o programa?

........

Estão a falar da Justiça, quer dizer das poucas vergonhas

..........

Está a ouvir?

Claro que estou, mãe.

Está? E o que me diz a isto?

Ó mãe, estou a ouvi-la a si.

Logo vi. Não é a mim. É à Antena 1.

Estão a falar da pouca vergonha do Caso UGT, da Casa Pia, enfim, destas poucas vergonhas todas.
........

Vá, despache-se, vá ouvir.

CLIC

...........


FUI.




8 nhận xét :

Sol da meia noite said...

Mas a "menina" não sabe que Mãe é Mãe...
Um dia, terás saudades destes deliciosos momentos, acredita... falo por mim.
Além do que a tua mãe, é uma pessoa sempre em cima dos assuntos, uma mais-valia para ti, ora diz lá se não é...

Beijinhos

Outonodesconhecido said...

mães são mesmo assim. Ainda há pouco ao ver uma matrafona, senti uma saudade enorme da minha mãe.

Vladimir said...

Uma mãe atenta...mães que são mães são mesmo assim...

Simone said...

A tua mãe é mesmo o máximo :-)

Beijoca

Um Momento said...

E estas conversas são LINDAS!!!

Deixo um beijo bem docinho na Doçura que és tu!!

(*)

Oliver Pickwick said...

Velvet, querida, quem tem uma mãe como a sua não pode tomar chá com torradas assistindo amenidades na TV. Tem de estar ali, ligada nas poucas vergonhas.
Senhora simpática.
Beijos nas duas!

Olá!! said...

hehe uma mãe actualizada...
Beijos

cassamia said...

tão lindo, tão obediente...