16 August 2008

MÃOS QUE SE DÃO


A educação manda que não se gesticule mas a linguagem das mãos, às vezes é mais eloquente que as palavras.
Os gestos das mãos acompanham e dão vida ao entusiasmo, à alegria, ao desânimo, à tristeza, à raiva, à dor e sobretudo ao amor.
É com as mãos que acarinhamos, que tocamos, que deslizamos o amor e o desejo.
Quando se tocam, as mãos, além de falarem, significam.
Há mãos peganhentas e moles que causam repulsa.
Mas uma mão que se estende e aperta a nossa, pode ser a diferença entre cair no abismo ou nos reerguermos...

35 nhận xét :

Sorrisos em Alta said...

Pode sim senhor.
Mas as de que falaste antes também podem ser responsáveis por nos fazer saltar para o abismo.
Durante o dia tenho que apertar cada mão...

jasmimdomeuquintal said...

Olá Blue
concordo em pleno contigo! uma mão, não uma qualquer, faz a diferença...
bjos e fica bem.

D.Antónia Ferreirinha said...

Eu diria: mãos que não dais, porque esperais?
Já escrevi sobre mãos, como bem sabes.
Beijinho.

Ovinho Estrelado said...

Uma mão que se dá, é sempre uma ajuda.

Mas também não temos de andar sempre de mão esticada. Não podemos garantir sempre que toquem quem a merece...
Podemos, contudo, mantê-la à vista. Não a esconder agarrada a si mesma no bolso do casaco. Estando de fora, parecendo que não, acaba por estar mais à mão (a própria mão) da uma ajuda.
E também de uma defesa. Também temos o direito de nos defender.

Bom fim-de-semana

1/4 de Fada said...

São importantíssimas, as mãos. Concordo em absoluto contigo, o toque de uma mão pode ser mais importante do que todas as palavras do mundo (mas também pode ser asqueroso, estou inclusivamente a lembrar-me de um caso particular que põe tudo quanto é mulher à defesa quando se aproxima, pronto, já me fizeste ficar com imensa vontade de rir!).

f@ said...

Como no poema de Mel Alegre ... "com as mãos se rasga o mar e se lavra..."
a linguagem corporal que mais se "impõe" e cativa...capaz de mover montanhas... as mãos e os olhos quando se erguem... se entregam se deslumbram e iluminam ... de mãos dadas abraço e beijinhos das nuvens

Filoxera said...

(estou de volta, querida)
As mãos podem ser mágicas...
Beijos.

salvoconduto said...

Então aqui vai um aperto de mão, "pertadinho".

titofarpas said...

E como podemos falar com as mãos ou entendê-las num simples toque...
Fica bem.
Beijos

Patti said...

São um dos maiores veículos de comunicação que temos.
Demonstram imensa coisa, tanto pelo seu movimento, como pelo seu toque e até pela maneira como estão tratadas.

BlueVelvet said...

Sorrisosemalta,
tadinho...
Põe luvas como a Rainha de Inglaterra.
Beijinhos

BlueVelvet said...

Jasmim,
é verdade. A tal diferença de que falo.
Beijinhos e fica tu também BEM.

BlueVelvet said...

D.Antónia,
eu sei que escreveste.
E mais duas vizinhas. Andamos todas a precisar de mãos?
A bem da verdade acho que precisamos sempre.
Beijinhos e bom domingo.

BlueVelvet said...

Ovinho,
tens toda a razão.
Eu tenho um bocado a mania de estender sempre, mas já vou guardando uma no bolso.
Não me esqueci de ti, mas tenho tido milhares de coisas para fazer.
Logo dedico-te a noite e até te levo um cházinho.
Beijinhos

BlueVelvet said...

1/4 da fadas,
o que irá nessa cabecinha para te rires assim?
Não te esqueças que és uma fada boa:))
Bjokinhas

BlueVelvet said...

Fa,
tens razão: mãos e olhos.
O que eles dizem. Temos que estar com atenção para saber ler as mensagens.
Beijinhos

Antonio saramago said...

É , que sem sombras de dúvidas que as mãos também falam...
é pelas mãos que se fortalecem actos de amizade.

BlueVelvet said...

Filoxera,
são sim.
Já lá vou.
Beijinhos amiga

BlueVelvet said...

Salvoconduto,
obrigada.
Veludinhos azuis

BlueVelvet said...

Titofarpas,
podem ser amor ou ...farpas!
Beijinhos

BlueVelvet said...

Patti,
lembráste um pormenor importante: a forma como estão tratadas.
Beijinhos

BlueVelvet said...

António,
é uma das formas, sim.
Bom domingo, e
Veludinhos azuis

f@ said...

Há se fôr pela forma como estão tratadas... o que faço eu com as minhas se nas nuvens nem manicure existe...? e o que faz o pobre lavrador e jardineiro...?
Pois é nem um anel de diamantes... nem os benditos cremes milagrosos disfarçam o rude dis curso das mãos castigadas de quem detesta "luvas" ...
Beijinhos das nuvens

Maria said...

Como é que é possível só agora o teu blogue ter acusado novo post?
Não percebo nada deste RSS...
Agora vou ler-te
Até já

Maria said...

Ok, toma lá a minha mão, não é peganhenta nem mole (:)) ) e aperta-a com força, porra!

Beijos azuis

Antonio saramago said...

O Amor começa por onde? Pelas mãos claro!
As caricias são feitas com quê? C/as mãos!
Come-se com quê? C/AS MÃOS!
e muitas outras coisas só podem ser feitas com as mãos!

PS/ dizes que eu não sou "burro" mas sim apressado, tens razão nisso, mas olha que nem para tudo tenho pressas!!!
Beijinho de Conhecimentos de causa...

Luís Galego said...

directamente da Zambujeira....pois, não tem a 5 Avenida, e de um Café com música aos gritos aqui vai a minha "mão"...

Bjs

BlueVelvet said...

Fa,
se calhar tens razão.
Trouxéste o assunto para outros terrenos.
Fizéste-nos baixar á terra e à realidade.
Nem sempre estás nas nuvens.
Beijinhos, linda

BlueVelvet said...

Maria,
lá de rss não percebo nada, mas quantas vezes não me estendeste já a tua mão, a tua sabedoria, o teu colo?
Bem hajas por isso.
Beijinhos, amiga

BlueVelvet said...

António,
és apressado a mexer no blog.
Tens que aprender melhor.
De resto, a tua Rosinha saberá.
Veludinhos azuis

BlueVelvet said...

Luis,
obrigada pela tua mão.
Também já ma estendeste várias vezes.
Obrigada,meu amigo e bom resto de férias

Antonio saramago said...

ÒH Sua marôta, tu és levas-te a coisa logo para a maldade!!!
A minha Rosinha é um AMOR!!! TU ÉS TAMBÉM UMA AMOROSA AMIGA.

samuel said...

As mãos são preciosas! Mais ainda as que se dão...

Abreijos

Justine said...

Bela a foto, bela e verdadeira a tua reflexão. A mão de um amigo pode salvar-nos.
Abraço!

Sunshine said...

Que seria de nós sem as mãos que nos oferecem, que nos dão?
Beijinhos com raios de Sol