15 February 2008

ENQUANTO ESTOU VIVA !

Me cansei de lero-lero
Dá licença,
mas eu vou sair do sério

Quero mais saúde
Me cansei de escutar opiniões
De como ter um mundo melhor
Mas ninguém sai de cima
Desse chove-não-molha

Eu sei que agora
Eu vou é cuidar mais de mim!
Como vai, tudo bem
Apesar,
contudo,
todavia,
mas,
porém

As águas vão rolar
Não vou chorar
Se por acaso morrer do coração
É sinal que amei demais
Mas enquanto estou viva
Cheia de graça
Talvez ainda faça
Um monte de gente feliz!
Rita Lee

20 nhận xét :

Luís Galego said...

Se por acaso morrer do coração
É sinal que amei demais


que bela máxima para a nossa vida...

Sol da meia noite said...

Minha querida, como estou feliz por ti...
Promete-me que este estado d'alma é pra valer! ;)

Grande, grande xi-coração

Sunshine said...

Letra fantástica!
Vamos lá fazer um monte de gente feliz! a começar por nós!

parvinha said...

Depois do dia de ontem, penso porque não existem estes afectos e felicidade diariamente.

Apeteceu-me visitar as pessoas que gosto na blogosfera, enfim...lamechas, talvez!!!!!

Amei o post.

Beijinho

FM said...

E fazes gente Feliz, seja pela tua forma de estar, pelo carinho, apoio, rectidão, verdade... Fazes gente Feliz, e eu sou uma dessas pessoas.
Obrigado.
Ahh, não te esqueças de continuar a alimentar a Blog-NOvela do Essências...
Beijos e Bom fim-de-semana.

Helena said...

Letra muito bonita...

Ser feliz é Amar...

Por isso mamámos para sermos felizes e não importa se morrrmos do coração...


Gostei deste seu espaço tenciono voltar...

E desde já desculpe a ousadia...

Beijinho :)

Zé do Cão said...

Parvinha. Existem afectos e felicidade diariamente. Eu que o diga.
Este nome, não está bem aplicado na tua pessoa. És sencivel, e essas não são parvas.
que me desculpe a BLUE VELVET, por dar aqui uma resposta, mas que é simultaneamente opinião ao dia do teu post.

Olá!! said...

Linda letra... para acreditar
Beijossssssssssssss

Spectrum said...

Aparentemente feliz, resta-me desejar que não esteja enganado.
Bom fim-de-semana.
Beijinho

Angel said...

Boa gosto de pessoas que gostam de fazer os outros felizes...que a tua felicidade perdure...beijinho bom fim de semana..com muitos Sonhos...claro..=)

Manuel Damas said...

A menos de 60 horas de acrescentar mais um anos aos anos, também eu decidi que vou passar a cuidar mais de mim...ainda que não esqueça os outros!

Manuel Damas said...

Oh "blue"...isto de ficar à espera que a menina aprove ou não o meu comentário, acho uma seca!
Onde estão os "coisos" pelos quais são conhecidas as dras. de leis?????????

samuel said...

Blue

"Agora eu era o rei
Era o bedel e era também juiz
E pela minha lei
A gente era obrigado a ser feliz"

Abreijo.

MIMO-TE said...

Ora nem mais!!!
Podem cair lágrimas, doer o peito, mas se soubermos esperar! Uma palavra, um pensamento, um sorriso de um amigo nos fará viver :))) E viver verdadeiramente!!
Beijos muitos em ti linda!!!
Mimo-te

Jotabê said...

É uma interprete fantástica.

:)

Beijoca

Sophiamar said...

Venho deixar-te um beijinho e dizer-te que o meu blogue continua de portas abertas. Será bem vinda. Fechou por minutos devido a problemas que rapidamente solucionei.

Um abraço. Belo poema!

Oliver Pickwick said...

Assim é que se fala, Velvet! Continue fazendo um monte de gente feliz. E você também, é claro!
Beijos!

Gi said...

Guardei o dia para pôr as visitas em dia, não penses que é descuido ou esquecimento apenas uma terrível falta de tempo pelas mais diversas razões, algumas não muito felizes.

Sabe bem ler assim um post todo "para a frente" uma postura de vida que convém estar sempre presente.

Tenho por hábito separar a escrita do escritor e não pensar que o que se escreve por aqui na blogosfera se traduz no estado de espírito de quem o publica (se assim fosse eu seria louca a passar de um estado de alegria a tristeza profunda :) ) mas se é o caso, aqui, hoje. Fico felz por ti.

Um beijo, hoje só tenho um post (coisa rara) amanhã depois das visitas todas feitas conto retomar o ritmo habitual.

Um beijinho

Gi said...

Guardei o dia para pôr as visitas em dia, não penses que é descuido ou esquecimento apenas uma terrível falta de tempo pelas mais diversas razões, algumas não muito felizes.

Sabe bem ler assim um post todo "para a frente" uma postura de vida que convém estar sempre presente.

Tenho por hábito separar a escrita do escritor e não pensar que o que se escreve por aqui na blogosfera se traduz no estado de espírito de quem o publica (se assim fosse eu seria louca a passar de um estado de alegria a tristeza profunda :) ) mas se é o caso, aqui, hoje. Fico felz por ti.

Um beijo, hoje só tenho um post (coisa rara) amanhã depois das visitas todas feitas conto retomar o ritmo habitual.

Um beijinho

Um Momento said...

Sorrindo nesta partilha da Rita:)))

Beijo!!

(*)